Centenas de camiões bloqueados entre a Ucrânia e a Polónia

Uma imagem recorrente nos últimos dias no oeste da Ucrânia, junto à fronteira com a Polónia: centenas e centenas de camiões com produtos destinados à exportação, bloqueados junto aos controlos fronteiriços.

Na fronteira de Yagody, a fila de pesados atingiu esta semana os 45 quilómetros de comprimento.

Os condutores queixam-se da extrema lentidão dos controlos no lado polaco.

Valentin, condutor de camião, explica: "Estamos aqui parados há três dias. Estamos fartos das filas. Há muitos que saem da linha, são mesmo encorajados pela polícia, que os deixa ir embora. Estou farto, quero que tomem decisões para acabar com as filas e tornar as fronteiras mais fluídas."

A maioria destes camiões transporta cereais e derivados, como explica Mykola, outro condutor:

"Nós transportamos essencialmente colza, girassol, azeite e trigo... Tudo aquilo que não é autorizado através do Mar Negro."

Para já estes condutores não têm outra solução para além de esperar. Do lado polaco da fronteira, a situação não é muito melhor: esta semana, condutores polacos bloquearam postos fronteiriços para exigir controlos fitossanitários mais rápidos e um serviço a funcionar 24 horas por dia.