Centro de Operações Rio vai dar curso para produção de games sobre prevenção aos riscos das chuvas

O Centro de Operações Rio (COR) criou uma iniciativa diferente para incentivar crianças e adolescentes a aprenderem sobre a prevenção de riscos em operações urbanas durante grandes chuvas. O órgão vai apostar no desenvolvimento de games para que a população da cidade, especialmente menores de idade, possam aprender sobre a prevenção aos riscos trazidos pelas chuvas.

A ação ocorrerá em parceria com a Secretaria Municipal de Ciência e Tecnologia, para o desenvolvimento de games nas Naves do Conhecimento. No formato Game Jam (processo que abrange o aprendizado na prática), os participantes vão desenvolver habilidades para criar jogos que tenham como objetivo conscientizar a população.

Para Alexandre Cardeman, chefe executivo do COR, informar os mais novos sobre a cultura de prevenção ajuda que essa informação chegue a pessoas mais velhas e ao reto da família.

— É fundamental que a população desenvolva a cultura da prevenção de riscos, através de ações educativas. Quando formamos crianças e jovens, eles multiplicam essas informações para os pais, conscientizam suas famílias e toda a sociedade é beneficiada. O Centro de Operações está sempre estabelecendo parcerias para divulgar as informações sobre estágios operacionais, sirenes e toda a tecnologia que desenvolvemos para mitigar impactos e trazer mais qualidade de vida para a população. Tão importante quanto monitorar a cidade e solucionar os problemas é trabalhar de forma preventiva.— afirmou.

As turmas do projeto estarão disponíveis nas Naves do Conhecimento do Engenhão, Irajá, Madureira, Nova Brasília, Padre Miguel, Penha, Santa Cruz, Triagem e Vila Aliança.

De acordo com o Centro de Operações, serão mais de 240 horas de aulas e mentorias, com a participação de 20 especialistas do COR, professores e parceiros envolvidos. Os participantes selecionados visitarão o COR, onde poderão conversar com os especialistas que trabalham no local.

As aulas terão início no dia 2 de fevereiro. Serão cinco semanas de imersão, com desenvolvimento de ideias e criação de protótipos, culminando no pitch day, em 1º de abril, com a apresentação e a seleção das melhores equipes e projetos validados. A partir de então começa o período de desenvolvimento dos jogos, até a data de lançamento, em agosto.