Cerca de 250.000 compareceram ao velório da rainha; período de luto nacional chega ao fim

Funeral da rainha Elizabeth

LONDRES (Reuters) - Cerca de 250.000 pessoas passaram pelo caixão da rainha Elizabeth no Westminster Hall, em Londres, disse o governo britânico nesta terça-feira, quando o período de luto do país terminou.

Na segunda-feira, o olhar do mundo estava voltado ao sepultamento da rainha após seu reinado de 70 anos em uma deslumbrante demonstração de pompa e cerimônia que incluiu uma das maiores procissões militares já vistas no Reino Unido.

Nesta terça-feira, o tráfego voltou às vias por onde o caixão foi transportado, os trabalhadores se dirigiram para seus escritórios e as ruas de Londres foram limpas após mais de 10 dias em que a realidade foi suspensa para muitos em todo o país.

A família real observará um período prolongado de luto que termina no sétimo dia após o funeral, com as bandeiras nas residências reais permanecendo a meio mastro.

Durante quatro dias e meio antes do funeral de segunda-feira, membros do público fizeram fila 24 horas por dia para prestar seus respeitos à rainha dentro do Parlamento, com muitos esperando durante a noite por mais de 12 horas pela chance de passar pelo caixão.

Estimativas preliminares mostraram que 250.000 pessoas compareceram, de acordo com a ministra da Cultura Michelle Donelan, cujo departamento organizou a fila de quilômetros de extensão ao longo da margem sul do rio Tâmisa.

(Reportagem de Sachin Ravikumar)