Navio cargueiro naufraga no mar Negro e 9 tripulantes seguem desaparecidos

Moscou, 19 abr (EFE).- Um navio de carga naufragou nesta quarta-feira, nas águas do mar Negro, com 12 tripulantes a bordo, sendo que três foram resgatados com vida, de acordo com informações das autoridades da Rússia.

A embarcação, "Geroi Arsenala", de bandeira panamenha, que naufragou na zona do estreito de Kerch, tinha deixado o porto de Azov, na Rússia, tendo como destino a Turquia.

"Segundo os investigadores, foram resgatados três tripulantes. O destino dos outros membros da tripulação ainda é desconhecido", disse à agência "Interfax" um porta-voz do Comitê de Instrução da Rússia.

De acordo com os informações da Agência Federal da Rússia para o Transporte Marítimo e Fluvial (Rosmorrechflot), o barco naufragou por volta das 3h30 (hora local).

"Devido a uma forte tempestade, o barco, de 3,5 mil toneladas de deslocamento, se partiu em dois e afundou", disse a Rosmorrechflot através de sua assessoria de imprensa.

As equipes de resgate seguem na busca pelos nove membros da tripulação que permanecem desaparecidos. EFE