Chávez se inscreve como candidato em cima de um caminhão

Foto: ReutersO presidente da Venezuela, Hugo Chávez, se inscreveu formalmente como candidato para as eleições presidenciais de 7 de outubro em cima de um caminhão com as cores do país e aclamado por milhares de seguidores.

Com uma boina vermelha e roupa do tricolor nacional, Chávez partiu do Palácio de Miraflores até a sede do Conselho Nacional Eleitoral (CNE), cerca de dez quadras de distância, em um caminhão com as cores amarelo, vermelho e azul e a frase: "Chávez, coração da pátria".

O presidente venezuelano, convalescente de um câncer, estava junto com alguns parentes, como suas filhas Rosa Virgina e Rosinés e seu irmão Adán Chávez, além de membros de seu Gabinete e do partido, como o vice-presidente, Elías Jaua.

Um dia depois de seu rival, o único candidato da oposição, Henrique Capriles, ter formalizado sua candidatura com o apoio de seus seguidores numa passeata por dez quilômetros a pé, hoje foi a vez do presidente. Chávez tentará sua terceira reeleição em outubro.

Em seu caminho pelas ruas de Caracas, seus admiradores o esperavam com bandeiras, cartazes e música. O presidente tentou agradar os presentes, que não o viam em um ato em massa desde 13 de abril, no 10º aniversário do golpe de Estado que o tirou brevemente do poder em 2002.

Nesse dia, Chávez, de 57 anos, apareceu junto a seus seguidores no Balcão do Povo em um ato fechado no palácio de Governo.

No poder desde 1999 e convalescente de um câncer diagnosticado há um ano, Chávez foi obrigado a diminuir seu ritmo de atividades.

Em 7 de outubro, os venezuelanos decidirão entre um novo mandato de seis anos do presidente, no poder desde 1999, ou se preferem a Capriles, um advogado de 39 anos. EFE

Carregando...

Siga o Yahoo Notícias