Chance do Botafogo de classificação para a Libertadores é de apenas 15%; veja os números de São Paulo e Atlético-MG

Duas vitórias, duas derrotas e um empate nos últimos cinco jogos. A fase de oscilação do Botafogo no Campeonato Brasileiro, à medida em que se aproxima a reta final do torneio, representa um risco de não conseguir a tão sonhada classificação para a Libertadores — competição da qual não participa desde 2017, quando foi eliminado nas quartas de final. Em 10º lugar, o time hoje tem apenas 15.4% de chance de disputar o campeonato no próximo ano.

Quem disputa as vagas remanescentes para a fase de grupos - com o G6 virando G8 - são Athletico, Atlético-MG, São Paulo e Fortaleza. Os clubes tem 77%, 76.9%, 61,6% e 54% de chance, respectivamente, de ficar com uma das vagas, segundo dados do Departamento de Matemática da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais).

Na 10ª posição, com quatro pontos a menos que o São Paulo, oitavo colocado, o Botafogo precisará da vantagem nos confrontos diretos pela posição. Na 36ª rodada, enfrentará o Atlético-MG no Mineirão - o mesmo órgão calculou em 39.51% a probabilidade da vitória do clube carioca neste duelo - e na última rodada do campeonato, o Glorioso enfrenta o Athletico, também fora de casa. Entre os dois jogos, recebe o Santos no Rio.

O treinador Luís Castro se mostrou otimista mesmo após a derrota por 2 a 0 para o Cuiabá na noite de terça-feira.

— Como tem nove pontos em disputa vamos continuar lutando. Vamos sempre lutar pelo maior objetivo — afirmou o treinador.