Checamos: animação não ‘previu’ pandemia de Covid-19

·1 min de leitura
  • Peça de desinformação tem sido compartilhado em aplicativos de mensagem

  • Na verdade, animação foi produzida após a descoberta do novo coronavírus

  • Yahoo! Notícias verificou outros conteúdos desinformativos sobre a pandemia de Covid-19

Vídeo que circula nas redes sociais exibe uma animação, supostamente feita em 1930. O texto compartilhado com o registro afirma que um vírus teria sido disseminado nas ruas de uma cidade com o objetivo de controlar a população, por meio do fechamento de lojas e vacinação. Conforme o Yahoo! Notícias vem apurando na cobertura de fact-checking, tal narrativa é comumente utilizada por grupos antivacina. A legenda do vídeo diz que esta seria uma estratégia utilizada “para ditadores assumirem o controle do mundo” e ainda tenta fazer uma associação com a pandemia de Covid-19.

Desenho animado foi feito após a descoberta do novo coronavírus (Foto: Telegram/Reprodução)
Desenho animado foi feito após a descoberta do novo coronavírus (Foto: Telegram/Reprodução)

“Em 1930, um desenho animado sugeria uma série de estratégias para os ditadores assumirem o controle do mundo. 91 anos depois, qualquer semelhança não será mera coincidência”, diz o texto compartilhado em aplicativos de mensagem instantânea.

No entanto, ao contrário do que afirma a publicação, a gravação que circula no Telegram não foi feita em 1930. Por meio de uma busca reversa, é possível verificar que, na verdade,o desenho animado foi publicado na internet em meados de 2021. Ou seja, quando a pandemia de Covid-19 já era conhecida mundialmente. A animação foi criada para reforçar uma teoria da conspiração já existente de que o novo coronavírus foi inventado por algum grupo para tomar o controle da população.

A peça de desinformação também foi compartilhada em outros idiomas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos