Checamos: Ciro Gomes não disse que vai separar o Ceará do Brasil se Bolsonaro for reeleito

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Mensagem enganosa circula pelas redes sociais

  • Pedetista não prometeu separar o Ceará do Brasil caso o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) seja reeleito

  • Assessoria de Ciro Gomes disse que essa é mais uma “mentira criminosa”

Circula pelas redes sociais uma imagem com a foto de Ciro Gomes (PDT) e a seguinte frase: “Se Bolsonaro se reeleger, eu desisto do Brasil e declaro o Ceará uma nação independente. Vou regê-la aos moldes de Getúlio e torná-la uma potência em no máximo 6 meses. Já não tenho idade pra ficar de babaquice”, diz o texto atribuído à ele.

Não existe registro da declaração e assessoria do político nega (Foto: Twitter/Reprodução)
Não existe registro da declaração e assessoria do político nega (Foto: Twitter/Reprodução)

Leia também:

Não há registro de que o político tenha dado tal declaração. Ao se fazer uma busca reversa pela imagem da montagem, é possível constatar que a imagem foi utilizada em uma entrevista concedida pelo pedetista ao El País em 2019. À reportagem do Yahoo! Notícias a assessoria de imprensa de Ciro Gomes disse que o conteúdo “é mais uma mentira criminosa propagada pelas milícias digitais que infestam a internet brasileira” e acrescentou “é fundamental que a justiça atue para descobrir e punir quem financia esses grupos de desinformação e ataques”.

A peça de desinformação também foi analisada pelo Aos Fatos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos