Checamos: DataFolha não errou em todas as pesquisas para presidência em 2018

Por, ao menos, 4 vezes, o DataFolha apresentou resultados de pesquisas eleitorais que apontavam vantagem de Bolsonaro sobre os nomes de candidatos do PT em 2018. (Foto: EVARISTO SA/AFP via Getty Images)
Por, ao menos, 4 vezes, o DataFolha apresentou resultados de pesquisas eleitorais que apontavam vantagem de Bolsonaro sobre os nomes de candidatos do PT em 2018. (Foto: EVARISTO SA/AFP via Getty Images)
  • Na última quinta-feira (26), o Datafolha divulgou o resultado de seu último levantamento

  • Usuários afirmam que o instituto não acertou em nenhuma pesquisa sobre a disputa presidencial em 2018

  • Mas diversos resultados apontaram vantagem de Jair Bolsonaro sobre Fernando Haddad (PT) naquele ano

Dezenas de usuários compartilham nas redes sociais que todas as pesquisas de intenção de votos do Datafolha para as eleições presidenciais de 2018 tiveram resultados errados e que a vitória de Jair Bolsonaro nas urnas contrariou as previsões.

No entanto, o instituto previu a vitória do presidente em mais de uma ocasião.

Captura de tela de uma publicação no Twitter que faz a afirmação falsa de que o DataFolha teria errado o resultado de todas as pesquisas eleitorais no ano de 2018. (Foto: Reprodução)
Captura de tela de uma publicação no Twitter que faz a afirmação falsa de que o DataFolha teria errado o resultado de todas as pesquisas eleitorais no ano de 2018. (Foto: Reprodução)

Publicações começaram a circular após o Datafolha ter divulgado na quinta-feira (26) o resultado de sua mais recente pesquisa. Os resultados apontaram que Lula (PT) lidera a disputa com 48% das intenções, seguido pelo atual presidente Jair Bolsonaro (PL), com 27%.

Ao contrário do que circula nas redes sociais, o Datafolha não errou em todos os seus resultados em 2018. Quando Lula ainda seguia na disputa, a pesquisa de agosto daquele ano apontou uma vantagem dele, com 39% das intenções de voto, sobre Bolsonaro, com 19%.

Em um segundo cenário – caso o ex-presidente estivesse fora da disputa – Bolsonaro liderava a corrida com 22%, seguido por Marina Silva (REDE), com 16%. Àquela altura, Fernando Haddad (PT) ocupava o sexto lugar, com 4% das intenções.

Após a candidatura do ex-mandatário ter sido indeferida, o Datafolha indicou em setembro de 2018, a liderança de Jair Bolsonaro no primeiro turno, com 24%, seguido por Ciro Gomes (PDT), com 13%. Fernando Haddad estava na quinta posição, com 9%.

Já no levantamento feito às vésperas do segundo turno, em 26 e 27 de outubro, Bolsonaro estava com 47%, enquanto Haddad na segunda posição tinha 39%. O resultado da disputa foi de 55,13% para o atual presidente, contra 44,87% do candidato do PT.

Qual a data das Eleições 2022?

O primeiro turno das eleições será realizado no dia 2 de outubro, um domingo. Já o segundo turno – caso necessário – será disputado no dia 30 de outubro, também um domingo.

Veja a ordem de escolha na urna eletrônica nas Eleições 2022

Deputado federal (quatro dígitos)

Deputado estadual (cinco dígitos)

Senador (três dígitos)

Governador (dois dígitos)

Presidente da República (dois dígitos)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos