Checamos: filme antigo não "previu" variante ômicron

·2 min de leitura
  • Cartaz original faz referência ao filme 'Phase IV' ou 'Sucesos en la IV fase', de 1974, que fala sobre uma guerra entre formigas e humanos

  • Imagem foi alterada para incluir a expressão 'Omicron variant' e sugerir que a obra previu o surgimento da nova cepa de Covid-19

  • Imagem foi adulterada comediante irlandesa e publicado originalmente em sua conta no Twitter

Circula pelas redes sociais um cartaz de um suposto filme feito na década de 60 chamado "A variante ômicron" que teria previsto a chegada da nova variante do coronavírus descoberta recentemente. Contudo, a imagem foi manipulada digitalmente.

Cartaz de filme antigo foi manipulado digitalmente e retirado de contexto nas redes sociais (Foto: Twitter/Reprodução)
Cartaz de filme antigo foi manipulado digitalmente e retirado de contexto nas redes sociais (Foto: Twitter/Reprodução)

Saudades de quando a ficção científica era só ficção”, dizem usuários ao compartilhar o pôster de um suposto filme dos anos 60 chamado “A variante ômicron”.

Uma busca reversa pela imagem compartilhada revela, contudo, que trata-se do cartaz de divulgação do filme "Phase IV" ou "Sucesos en la IV fasé," de 1974. Em português, a película recebeu o nome de "Fase IV - Destruição".

Cartaz original do filme (Foto: Reprodução)
Cartaz original do filme (Foto: Reprodução)

Sites de resenhas cinematográficas mostram que o filme narra a história de formigas do deserto que, de repente, formam uma inteligência coletiva e começam a travar uma guerra contra os humanos. Dois cientistas e uma garota perdida são incubidos da missão de destruir os insetos.

A peça de desinformação tem origem em uma imagem adulterada feita por Becky Cheatle, autora e comediante irlandesa. Em sua conta no Twitter, ela publicou a foto modificada digitalmente e disse que utilizou o Photoshop para fazer a edição. "Eu coloquei no Photoshop a frase 'The Omicron Variant' em um monte de pôsteres de filmes de ficção científica dos anos 70", escreveu na legenda da imagem ao compartilhar o feito com seus seguidores.

Nas redes sociais Becky Cheatle disse que editou o cartaz da película no Photoshop (Foto: Twitter/Reprodução)
Nas redes sociais Becky Cheatle disse que editou o cartaz da película no Photoshop (Foto: Twitter/Reprodução)

A Organização Mundial da Saúde (OMS) classifica a ômicron como variante de preocupação, contudo, ainda serão necessárias algumas semanas para compreender melhor o seu impacto. "Esta variante apresenta um grande número de mutações, algumas das quais preocupantes. A evidência preliminar sugere um risco aumentado de reinfecção por esta variante", disse a organização em comunicado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos