Checamos: fotos de bebês com rabo não têm relação com vacina contra a Covid-19

·1 minuto de leitura
  • É falso que vacinas criam seres humanos geneticamente modificados

  • Vacinas contra a Covid-19 aprovadas pela Anvisa são seguras e eficazes

  • Desinformação circula em aplicativos de mensagens

Boatos que associam o aparecimento de rabos em bebês recém-nascidos com a vacinação contra a Covid-19 circulam pelas redes sociais.

Em mensagem que circula no Telegram, é dito que uma criança nasceu com rabo após a mãe ter tomado uma suposta vacina experimental contra o novo coronavírus. A mensagem exibe ainda o print de uma reportagem do site Correio 24 horas. A reportagem, entretanto, é de 2014 e foi originalmente publicada no tablóide inglês Daily Mail. À época, uma criança chinesa havia nascido com uma malformação congênita, chamada espinha bifurcada.

Desinformação diz que criança nasceu com rabo após mãe tomar vacina contra a Covid-19. Imagem é de 2014 e mostra bebê com malformação congênita na espinha (Foto: Telegram/Reprodução)
Desinformação diz que criança nasceu com rabo após mãe tomar vacina contra a Covid-19. Imagem é de 2014 e mostra bebê com malformação congênita na espinha (Foto: Telegram/Reprodução)

Leia também:

Uma outra peça de desinformação que tem sido compartilhada mostra a imagem digitalmente modificada de uma bebê com rabo. A imagem original pode ser encontrado em um banco de imagens na internet. Ao se fazer uma busca reversa pela imagem é possível constatar que a foto manipulada foi exibida pelo político turco Fatih Erbakan durante uma entrevista. Conhecido pela postura negacionista e por disseminar informação falsa, o presidente do partido Bem-Estar declarou na ocasião que crianças tinham nascido com rabo após as mães tomarem o imunizante contra a Covid-19, o que é falso.

Em entrevista, o político Fatih Erbakan exibiu imagem digitalmente modificada (Foto: YouTube/Reprodução)
Em entrevista, o político Fatih Erbakan exibiu imagem digitalmente modificada (Foto: YouTube/Reprodução)

Alegações falsas dizendo que a vacina contra o novo coronavírus poderiam criar seres humanos geneticamente modificados já foram desmentidas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos