Checamos: Japão não declarou ‘ivermectina mais eficaz que a vacina’ contra Covid

·1 min de leitura
  • É falso que Japão declarou ‘ivermectina mais eficaz que a vacina’ contra Covid

  • Japão não tampouco autorizou o uso da ivermectina para tratamento do novo coronavírus

  • Não há estudos suficientes que comprovem o benefício da ivermectina na prevenção ou tratamento em qualquer estágio da doença

Posts que circulam nas redes sociais afirmam que o Japão supostamente teria declarado ao mundo que a ivermectina é mais eficaz que o imunizante contra a Covid-19. A afirmação é falsa.

“JAPÃO DECLARA AO MUNDO QUE A IVERMECTINA É MAIS EFICAZ QUE A VACINA

O único remédio que pode ajudar todas as fracas vacinas, e destruir todas as cepas de vírus; se chama: IVERMECTINA TA OK!!!

Se você também tomou; e esta vivo por isso!!! RETWITTE por favor!!!”, diz o texto que compartilha a peça de desinformação.

De acordo com o ministério da saúde do Japão, os fármacos aprovados para o tratamento da Covid-19, são remdesivir, dexametasona, baricitinib, casirivimab/imdevimab, sotrovimab e molnupiravir. Em nenhum momento, contudo, a ivermectina é citada nos relatórios das autoridades de saúde locais como sendo eficaz contra a doença.

Não há estudos suficientes que comprovem o benefício da ivermectina na prevenção ou tratamento em qualquer estágio da doença (Foto: Twitter/Reprodução)
Não há estudos suficientes que comprovem o benefício da ivermectina na prevenção ou tratamento em qualquer estágio da doença (Foto: Twitter/Reprodução)

Até o momento não existem estudos científicos sólidos que evidenciem a eficácia da droga na cura ou prevenção da Covid-19.

Um medicamento é considerado eficaz após passar por estudos clínicos e metodológicos que atestem seus benefícios e riscos. Estudo publicado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em março de 2021 sobre medicamentos preventivos “faz uma recomendação forte contra o uso de hidroxicloroquina”, após a análise de seis estudos.

Até o momento, não há estudos suficientes que comprovem o benefício da ivermectina na prevenção ou tratamento em qualquer estágio da doença. Em outro documento, a OMS diz que “não temos evidências persuasivas de um mecanismo de ação da ivermectina na Covid-19” e recomenda que o medicamento não seja usado, exceto no contexto de um ensaio clínico.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos