Checamos: variante Ômicron não é ‘invenção’ para esconder reações da vacina

·1 min de leitura
  • Nova cepa já foi identificada em dezenas de países

  • Registros de mortes em decorrência da nova cepa já foram registrados

  • Estudos epidemiológicos estão sendo conduzidos para mensurar o impacto da nova variante nos sistemas de saúde

Vídeo compartilhado nas redes sociais inventa informações sobre a Ômicron, variante da Covid-19 recém descoberta no mundo. O registro falsamente alega que nova cepa seria uma invenção para encobrir efeitos adversos graves dos imunizantes contra o novo coronavírus, o que não é verdade.

A nova cepa da Covid-19 foi registrada oficialmente pela primeira vez na África do Sul, em novembro de 2021. A reportagem do Yahoo! Notícias desmentiu conteúdo enganoso que circulava nas redes sociais com teor parecido.

Nova cepa já foi identificada em dezenas de países (Foto:Pixabay)
Nova cepa já foi identificada em dezenas de países (Foto:Pixabay)

Até o momento, foi observado que a nova variante possui um número significativo de alterações com relação a cepas anteriores. Em novembro, a Organização Mundial da Saúde (OMS) classificou a Ômicron como variante de preocupação, contudo, ainda serão necessárias algumas semanas para compreender melhor o seu impacto. "Esta variante apresenta um grande número de mutações, algumas das quais preocupantes. A evidência preliminar sugere um risco aumentado de reinfecção por esta variante", disse a organização em comunicado.

Posteriormente, em entrevista no dia 8 de dezembro de 2021, o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom, afirmou que ainda é cedo para tirar conclusões sobre o impacto da variante ômicron nos sistemas de saúde. Estudos epidemiológicos estão em andamento para entender o impacto da variante. No entanto, registros de mortes em decorrência da nova cepa já foram confirmados. Por isso, é falso afirmar que a cepa seria “uma invenção da ciência” como afirma o conteúdo viral com informações falsas compartilhado nas redes sociais.

A peça de desinformação também foi verificada pelo Comprova.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos