Chef de cozinha cria hambúrguer de R$ 30 mil para ajudar instituição de caridade

Sanduíche levou nove horas para ser preparado e é recheado de ingredientes premium como carne de wagyu, caviar e maionese de ovo de pato (Getty Creative)
Sanduíche levou nove horas para ser preparado e é recheado de ingredientes premium como carne de wagyu, caviar e maionese de ovo de pato (Getty Creative)
  • Hambúrguer custa US$ 5.900, quase R$ 31 mil;

  • Todo o lucro obtido com a venda do sanduíche, considerado o mais caro do mundo, foi revertido para uma instituição de caridade;

  • Interessados em provar a iguaria podem reservar um exemplar com duas semanas de antecedência e enviar um depósito de aproximadamente R$ 3.900).

O chef Robbert Jan de Venn, dono do restaurante holandês De Daltons, criou uma iguaria para poucos, mas por uma causa nobre: um hambúrguer que custa US$ 5.900, quase R$ 31 mil. Todo o lucro obtido com a venda do sanduíche, considerado o mais caro do mundo, foi revertido para uma instituição de caridade.

Chamado de “The Golden Boy” (O Menino de Ouro), o hambúrguer levou nove horas para ser preparado. Apresentado em um prato de fumaça com infusão de uísque, os ingredientes do sanduíche incluíam carne A5 Wagyu, caranguejo rei, caviar beluga, Jamon Iberico vintage, maionese de ovo de pato defumado, trufa branca, molho de churrasco de café Kopi Luwak, tomate tigre em conserva no matchá japonês e pães dourados com infusão de champanhe Dom Perignon.

“Os ingredientes se complementam muito bem e os sabores são intensos. Mesmo que este hambúrguer seja extremamente caro, você ainda deve usar as mãos porque essa é a única maneira de comer um hambúrguer. Como o pão é folheado a ouro, seus dedos estarão dourados quando você terminar”, detalhou o chef responsável.

Por se tratar de um ato de caridade, a edição especial foi adquirida por Rober Willemse, presidente da Royal Dutch Food and Beverage Association (Associação de Alimentos e Bebidas da Holanda). Mas os interessados em provar a iguaria podem reservar um exemplar na página da hamburgueria com duas semanas de antecedência e enviar um depósito de € 750 EUR (aproximadamente R$ 3.900).

Lembrando que, no Brasil, o quilo da trufa branca, um dos ingredientes do sanduíche, pode custar mais de R$ 15 mil. Já o quilo da picanha de Wagyu pode chegar a até R$ 1.800.