Chef Roberta Sudbrack promove dois jantares a seis mãos

Jacqueline costa
1 / 2

80257479_BA Rio de Janeiro RJ 10-12-2018 - Restaurante da chef Roberta Sudbr.jpg

A chef Roberta Sudbrack

RIO — Na intenção de conectar saberes, filosofias e crenças que envolvem a gastronomia nacional, a chef Roberta Sudbrack receberá as chefs Mara Salles, do Tordesilhas, e Ana Soares , do MESA 3, para dois jantares, que integram a série “Mulheres no pedaço”, às 20h, na segunda-feira, no restaurante Sud, e na terça, no hotel Arp. Trata-se do projeto “Encontros a lenha e carvão”, que, como sugere o nome, prioriza a comida feita no forno de barro (a lenha) e no carvão.

Nesta edição, no mês das mulheres, as três chefs têm em comum o fato de terem aprendido a cozinhar a partir de referências familiares femininas, pelas mãos de mães e avós. Além disso, são autodidatas e desenvolveram, cada uma à sua maneira, uma cozinha brasileira visceral, reflexiva e afetiva, como explica Sudbrack. O primeiro jantar será todo feito no forno a lenha , no Sud. O segundo, o do Arp, será preparado no forno a carvão. A chef detalha o motivo do encontro:

— A ideia é resistir e promover encontros, conversas, trocas e vivências dentro da cozinha, a partir de olhares diferentes e pensamentos diversos. A soma de toda essa riqueza que é a cozinha brasileira concentrada em duas noites que se tornam mágicas através da condução do fogo. Esta edição está particularmente especial, pois reúne dois ícones da gastronomia brasileira, duas mulheres fantásticas e devotas da nossa cozinha de raiz, Mara Sales e Ana Soares.

Sudbrack acrescenta que os jantares serão uma homenagem à Nina Horta, colunista de gastronomia que faleceu em outubro de 2019.

—Ela será sempre será uma inspiração para quem acredita nos poderes de estar em volta da mesa trocando energia, brindando e sorrindo! —diz.

O primeiro jantar será no restaurante da anfitriã, que é conhecido pelas referências a um interior profundo e caipira, que vem à cabeça dos comensais por meio da comida preparada em um forno de barro.

SIGA O GLOBO-BAIRROS NO TWITTER (OGlobo_Bairros)