Chefe de direitos humanos da ONU elogia veredicto no assassinato de George Floyd

·1 minuto de leitura

GENEBRA (Reuters) - A chefe de direitos humanos das Nações Unidas, Michelle Bachelet, saudou na quarta-feira a condenação por assassinato no caso George Floyd, dizendo que "qualquer outro resultado seria uma farsa de justiça".

O ex-policial de Mineápolis Derek Chauvin foi condenado na terça-feira por homicídio no episódio de prisão e morte de Floyd, um marco na história racial dos EUA e uma repreensão ao tratamento dado pela polícia aos negros no país.

"Como testemunhamos dolorosamente nos últimos dias e semanas, as reformas nos departamentos de policiamento dos Estados Unidos continuam a ser insuficientes para impedir que pessoas afrodescendentes sejam mortas", disse em comunicado.

(Reportagem de Stephanie Nebehay)