"Chegou a hora da verdade", afirma imprensa francesa sobre investigação de ataque ao Capitólio

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

A Comissão Parlamentar de Inquérito constituída na Câmara de Representantes dos Estados Unidos para investigar a invasão do Capitólio, que aconteceu em 6 de janeiro de 2021 por simpatizantes de Donald Trump, apresentará nesta quinta-feira (9) suas primeiras conclusões. O assunto é tratado com destaque pela imprensa francesa. "Os americanos foram convocados para assistir, em horário nobre na TV, a um espetáculo que pode ter consequências dramáticas", afirma o jornal Le Monde.

As cenas de violência que chocaram o mundo, com partidários do ex-presidente Donald Trump tentando impedir a confirmação dos votos do colégio eleitoral que deram vitória a Joe Biden nas eleições de novembro de 2020, entraram para a história da América. Após quase 500 dias de investigações, e tentativas de inviabilizar o trabalho dos deputados, um dos membros da comissão especial promete fazer revelações explosivas, assinala o jornal Libération. A principal expectativa da imprensa é saber se Trump sairá comprometido do caso.

O canal ultraconservador Fox News não irá transmitir esta sessão histórica, relata Le Monde, "um sinal do quanto ainda falta para os americanos chegarem a um consenso nacional" sobre a gravidade do ocorrido naquele momento.


Leia mais

Leia também:
Quem são Q-Shamam e outros adeptos do conspiracionismo que invadiram o Congresso dos EUA?
Trump pede que Suprema Corte bloqueie transferência de documentos sobre ataque ao Capitólio
Trump pediu ao FBI abandono de investigação sobre ex-assessor, diz New York Times

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos