Atentado perto de mesquita no Afeganistão deixa três mortos e sete feridos

Cabul, 25 mar (EFE).- Pelo menos três pessoas morreram, incluídos os dois agressores, e outras sete ficaram feridas depois que um insurgente detonou o colete de explosivos que levava consigo perto de uma mesquita da minoria xiita no oeste do Afeganistão.

O atentado aconteceu no começo da tarde, no Distrito 2 da cidade da Herat, quando um insurgente detonou os explosivos que levava perto da entrada da mesquita, afirmou à Agência Efe o porta-voz do governador regional, Jaelany Farhad.

A polícia descobriu outro agressor e o matou antes de detonar seus explosivos, explicou o porta-voz.

"Uma pessoa morreu e outras sete ficaram feridas", acrescentou Farhad, que detalhou que a mesquita, Nabi Akram, pertence à minoria xiita.

O ataque ainda não foi reivindicado por nenhum grupo insurgente.

Este atentado ocorre depois de meses de certa calma na capital homônima da província da Herat, onde em agosto um ataque suicida em outra mesquita xiita deixou mais de 20 mortos e 40 feridos.

Três semanas antes, outro atentado suicida na Herat contra uma mesquita deste coletivo e reivindicado pelo grupo jihadista Estado Islâmico (EI) deixou 29 mortos e 63 feridos. EFE