Chuva forte provoca queda de árvores e desabamentos na Grande SP

TAYGUARA RIBEIRO
·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Grande São Paulo registrou mais uma tarde com fortes chuvas nesta sexta-feira (13). Segundo o Corpo de Bombeiros, foram pelo menos 33 chamados para quedas de árvores na capital paulista e em cidades vizinhas. Ainda de acordo com os bombeiros, dois desmoronamentos foram registrados na região. Um deles foi um muro em Osasco, que caiu em cima de dois carros e deixou duas pessoas feridas o estado de saúde das vítimas não foi informado. O outro foi em Vargem Grande Paulista. O CGE (Centro de Controle de Emergências), órgão da Prefeitura de São Paulo, gestão Bruno Covas (PSDB), chegou a emitir um estado de alerta para alagamentos. Entretanto, os bombeiros não foram acionados para nenhum caso de enchente. O CGE também não registrou alagamentos. O órgão observou somente um ponto intransitável na cidade, na avenida Santo Amaro, no Campo Belo, zona sul. Segundo o órgão da prefeitura, o alerta foi emitido por causa de áreas de instabilidade vindas de Sorocaba (99 km de SP), que atuaram com forte intensidade em Cotia (Grande SP) e tinham a tendência de atingir a capital paulista. Em Lauzane Paulista (zona norte) chegou a ocorrer a queda de granizo. A previsão é que o fim de semana siga abafado com sol entre nuvens e chuvas isoladas no fim da tarde. As chuvas devem voltar a ganhar força no início da próxima semana. Neste sábado (14), o sol aparece entre nuvens e favorece a elevação da temperatura, com mínimas em torno dos 18°C e máximas que podem superar os 29°C. O domingo (15) segue com sol e temperaturas em elevação no decorrer do dia. Os termômetros devem variar entre mínima de 19ºC e máxima que pode superar os 31ºC.