Ciclista tem perna esmagada durante briga de trânsito em Aparecida de Goiânia (GO)

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - A Polícia Civil de Goiás apura uma briga de trânsito que terminou com um ciclista gravemente ferido em Aparecida de Goiânia, na região metropolitana da capital. O caso aconteceu na manhã de sábado (14), na avenida Independência.

A vítima, de 24 anos, teve a perna esmagada entre carros por um motorista de aplicativo, que teria jogado o veículo contra ele de forma proposital.

O suspeito, que também não teve a identidade revelada, foi preso em flagrante por tentativa de homicídio, e a Justiça converteu a prisão em preventiva.

A delegada Bruna Coelho, responsável pela investigação, disse à reportagem que o motorista confessou o crime alegando que atropelou o ciclista porque teria sido ameaçado de morte por ele no momento da discussão.

Na delegacia, o preso relatou que a briga começou após o ciclista esbarrar no retrovisor do carro. Nesse momento, o motorista desceu do veículo já com uma faca na mão, dando início a uma discussão.

Em seguida, ele largou a faca, e os dois chegaram brigar fisicamente, sendo separados por terceiros que estavam no local.

Após trocas de ameaças, o motorista confessou à polícia que entrou no carro e acelerou imprensando as duas pernas do ciclista contra outro veículo que estava à frente.

"Eu apurei algumas filmagens, ouvi algumas testemunhas, mas outras ainda serão ouvidas, além da própria vítima, que ainda está internada. Vamos continuar a investigação para identificar se houve tentativa de homicídio qualificado, motivo torpe, fútil. O fechamento do inquérito depende da alta médica do ciclista", disse a delegada.

O dono do veículo que estava parado, um comerciante, ajudou a prestar assistência à vítima, após a situação.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a corporação precisou afastar os carros para que a vítima fosse resgatada.

O jovem foi levado para um hospital em Aparecida de Goiânia, onde passou por uma cirurgia e segue internado.