Cidade Integrada: primeira unidade de ensino a ser reformada pelo programa vai ganhar horta escolar

·2 min de leitura

RIO — Primeira unidade de ensino a ser reformada pelo programa Cidade Integrada, o Colégio Estadual Compositor Luiz Carlos da Vila, no Jacarezinho, Zona Norte do Rio, vai ganhar uma horta escolar. A iniciativa é fruto de uma parceria das secretarias estaduais de Educação (Seeduc) e de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento, dentro do programa.

— Em pouco mais de uma semana, diversas melhorias já estão sendo percebidas pela população. Essas ações na escola melhoram não só o presente, mas também moldam o futuro dessas crianças. Além disso, estamos incentivando também um olhar para a sustentabilidade — explica o governador Cláudio Castro.

Os preparativos para a horta da unidade escolar contou com a vistoria da equipe do Lixo Zero, que cuida da gestão correta dos resíduos sólidos, desde os orgânicos que são destinados a compostagem, os que são encaminhados à reciclagem e os especiais destinados através de logística reversa. O objetivo é evitar o desperdício e diminuir a geração de lixo.

Além disso, a Seeduc, em parceria com a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), está implementando o Programa de Sustentabilidade na unidade escolar com Educação Ambiental, horta escolar e Lixo Zero. O programa tem como objetivo estimular a produção de gêneros alimentícios orgânicos que serão utilizados na merenda escolar.

— É uma chance para o estudante que deseja se formar e para o morador da região que terá a oportunidade de aprender idiomas, esporte, música, agricultura etc. A reforma foi uma decisão tomada entre a comunidade e o Governo do Estado — declarou o secretário estadual de Educação, Alexandre Valle.

Morador de Manguinhos, o agricultor hortelão Ezequiel Dias, de 45 anos, conta que vários familiares seus estudaram na escola:

— Com esse projeto, a escola aprende a se alimentar melhor, viver melhor, ter contato com a terra. Eu trabalho neste projeto desde 2013. Desde a época da pacificação que trabalho na implantação de hortas em comunidade. Eu sou feliz trabalhando com a terra, colocar a semente, ver nascer e consumir o que você plantou. Isso é qualidade de vida.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos