Cidade do Rio deve receber mais doses da vacina da Pfizer para adolescentes nesta quinta-feira

·2 minuto de leitura

Segundo o secretário municipal de Saúde da capital do Rio, Daniel Soranz, o município deve receber mais doses da vacina da Pfizer para a imunização de adolescentes nesta quinta-feira. A campanha de aplicação da primeira dose, que nesta quarta-feira se destina a meninas de 15 anos, estava sob risco de ser interrompida novamente na sexta-feira. Isso por que o estoque atual do Rio do imunizante da Pfizer — única vacina contra a Covid-19 autorizada pela Anvisa para aplicação em menores de idade — é suficiente apenas para até amanhã, segundo previsão da prefeitura.

Nesta terça-feira, a Secretaria estadual de Saúde adiou a distribuição de 365 mil doses da Pfizer por orientação do Ministério da Saúde, que, devido aos “riscos das manifestações” de 7 de setembro, determinou a mudança de cronograma de entregas de vacinas em todo o Brasil, como noticiou a colunista Malu Gaspar. A distribuição deve recomeçar nesta quarta-feira, conforme nota da SES enviada ao GLOBO nesta terça-feira. A Secretaria municipal de Saúde informa que ainda não quantas dessas doses o Rio deve receber na nova remessa.

— Temos doses suficientes só até amanhã, mas devemos receber novas doses da vacina da Pfizer nessa quinta. Devemos saber quantas doses chegarão até o fim do dia de hoje — diz Soranz.

Está marcada para sexta-feira a vacinação de meninos de 15 anos. No Rio, o anúncio da retomada do calendário foi feito após o recebimento de 35.832 doses da Pfizer na segunda-feira. O cronograma segue confirmado na cidade, com meninas de 15 anos nesta quarta-feira e quinta-feira e meninos da mesam idade na sexta-feira. Já a repescagem é para gestantes, puérperas, lactantes e Pessoas com Deficiência (PcD) com 12 anos ou mais e pessoas com 25 anos ou mais, que podem se vacinar, preferencialmente, no período da tarde.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos