Cidades turísticas do estado têm ocupação de hotéis e pousadas acima de 90% para o réveillon

Na virada do ano os olhos do mundo se voltam naturalmente para Copacabana, onde dois milhões de pessoas dão vida ao maior réveillon do planeta. Mas as festividades no estado do Rio vão muito além da Princesinha do Mar. Cidades com forte apelo turístico recebem milhares de turistas para a virada do ano. Pesquisa feita pelo Sindicato dos Meios de Hospedagem do Município do Rio de Janeiro (HotéisRIO) em parceria com a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis no Rio de Janeiro (ABIH-RJ), divulgada nesta quarta-feira (28), mostra que em 14 cidades do interior do estado a taxa média de ocupação de hotéis e pousadas já está na casa de 91,71%.

— O arrefecimento da pandemia, aliado ao trabalho de promoção que os players do turismo fizeram ao longo deste ano, promoveram a retomada do turismo no Estado do Rio de Janeiro, comprovada por este ótimo desempenho dos municípios do interior — disse Paulo Michel, presidente da ABIH-RJ.

A cidade de Arraial do Cabo é o destino mais procurado do interior até o momento com 98,40% de taxa de ocupação, seguida de Itatiaia/ Penedo (97,20%), Cabo Frio (94,70%), Armação dos Búzios (94,50%), Paraty (94,30%), Miguel Pereira (94%), Angra dos Reis (93,50%) e Teresópolis (90,40%). Confira abaixo a programação prevista para o fim de ano em algumas cidades:

Arraial do Cabo

A cidade preparou uma queima de fogos prometida para durar 12 minutos em três pontos da cidade: na Praia Grande, uma das mais famosas da cidade; na avenida Pôr do Sol do Monte Alto e na Praça da Figueira. A festa contará ainda com música a cargo do DJs Vassalo e Foley na Praia Grande, do DJ Wellington na Figueira e DJ Luizinho em Monte Alto.

Búzios

A Orla Bardot receberá um espetáculo de fogos para marcar a chegada do ano novo. Haverá show pirotécnico também em mais três pontos da cidade: Geribá, Rasa (INEFI) e Manguinhos. A prefeitura informa que os fogos terão duração de 10 minutos, serão de baixo estampido e contarão com efeitos inéditos. De acordo com a prefeitura a cidade espera receber 300 mil visitantes vindos do Brasil e do exterior no período.

Cabo Frio

A prefeitura confirmou a realização de eventos para marcar a chegada do ano novo na cidade. O pacote inclui dois palcos montados na Praia do Forte e na Praia do Pontal de Santo Antônio, em Tamoios que receberão atrações como Tierry, Jammil, Di Propósito, Molejo, Fundo de Quintal e Bom Gosto já a partir da sexta-feira (30). A estrutura de segurança também será reforçada e contara com cinco torres nos locais onde serão realizados os shows e a queima de fogos.

— A expectativa é muito boa. Depois da pandemia esse será o primeiro réveillon forte. No ano passado as pessoas estavam meio inseguras ainda — disse Maria Ines Oliveros, presidente do Cabo Frio Convention & Visitors Bureau.

Angra dos Reis e Ilha Grande

A cidade se prepara para uma maratona de eventos que começam no dia 30 e vão até o dia 6 de janeiro, quando será comemorado o aniversário de 521 anos da cidade. Além da tradicional queima de fogos, a Praia do Anil, no Centro da cidade, receberá o show de Luiza Possi na noite da virada. Nos demais dias de festa haverá apresentações de Xande de Pilares, Bloco da Preta, Ferrugem, Gustavo Mioto e a dupla Diego e Victor Hugo.

Na Vila do Abraão, principal centro turístico da Ilha Grande, também haverá shows de artistas musicais e queima de fogos. Na manhã do dia 1º acontecerá a tradicional Procissão Marítima que chega a sua 44ª edição. A concentração das embarcações acontece na Praia das Flechas, na Ilha da Gipoia, e o cortejo segue até a Praia do Anil.

Paraty

A cidade histórica, reconhecida como patrimônio mundial pela Unesco, terá a primeira comemoração oficial de Ano Novo desde 2020 quando os eventos foram cancelados por causa da pandemia. Haverá atrações musicais e queima de fogos na Praça da Matriz e em mais em seis pontos: praia do Pontal, Jabaquara, Trindade, Prainha de Mambucaba, Ilha das Cobras e Tarituba.