Cientistas descobrem qual é a temperatura ideal para os seres humanos

Os cientistas descobriram qual é a temperatura ideal para a vida dos seres humanos [Foto: Getty]

A ciência finalmente confirmou o que já sabíamos há um bom tempo: viver em um país de clima mais quente faz com que sejamos mais felizes.

Um estudo recente descobriu que a temperatura perfeita para os seres humanos é 22°C.

O estudo analisou 1,7 milhão de pessoas norte-americanas, avaliando-as em relação a cinco traços de personalidade: agradabilidade, consciência, estabilidade emocional, extroversão e abertura a novas experiências.

Na pesquisa, cidades com uma temperatura média anual de 22°C apresentaram as melhores amostras, com os cientistas concluindo que esta é a temperatura perfeita para tornar as pessoas mais agradáveis, mais estáveis emocionalmente e extrovertidas.

As pessoas que vivem em climas mais frios costumam ser menos agradáveis [Foto: Getty]

Por que isso acontece?

É simples: quanto melhor o clima, maior a probabilidade de que queiramos sair e casa e conversar com nossos vizinhos.

“Sabemos que os traços de personalidade variam de acordo com as regiões geográficas,” disse o pesquisador da Universidade de Melbourne, Samuel Gosling, ao jornal Sydney Morning Herald. “Nós também sabemos que estes traços geográficos de personalidade estão associados a um amplo espectro de consequências, incluindo a atividade econômica, o índice de empreendedorismo e criação de startups, taxa de criminalidade, cuidados com a saúde, e consciência para votar”.

“Portanto, aprender sobre o papel da personalidade em influenciar estes resultados, é de grande interesse para qualquer um que queira afetar estes resultados”.

Atenas é o lugar ideal para viver na Europa [Foto: Getty]

Alguns países, infelizmente, passam longe desta média. No Reino Unido, por exemplo, nenhuma cidade atingiu a média anual de 22°C neste ano, com Londres e Oxford mantendo-se por volta dos 15°C, e Manchester e Birmingham chegando apenas aos 14°C.

Na Europa o lugar ideal para viver é Atenas, na Grécia, que apresenta o clima considerado perfeito pela ciência. Outros competidores europeus incluem Barcelona, Mônaco, Nápoles e Malta.

Lauren Sharkey