Cinco cidades da Grande SP registram 100% dos leitos de UTI para pacientes com Covid-19 ocupados

·1 minuto de leitura
Escalada do coronavírus tem esgotado leitos nas UTIs dos hospitais
Escalada do coronavírus tem esgotado leitos nas UTIs dos hospitais

Arujá, Embu das Artes, Mairiporã e Poá se juntaram a Taboão da Serra e registraram 100% dos leitos de UTI para pacientes com Covid-19 ocupados. A informação foi divulgada pelo G1 na tarde desta terça-feira.

Horas mais cedo, a secretária-adjunta da Saúde de Taboão, Thamires May, revelou que 11 pessoas contaminadas com o coronavírus morreram esperando pela liberação de leitos de UTI na cidade. A cidade se tornou a primeira do estado a registrar mortes por este motivo.

Leia também:

De acordo com matéria do G1, no entanto, Arujá, Embu das Artes, Mairiporã e Poá também não possuem mais leitos disponíveis para pessoas com Covid-19. Nenhuma destas quatro cidades, no entanto, registrou oficialmente mortes resultantes deste motivo até o momento.

A escalada do coronavírus em São Paulo é preocupante e uma série de outras cidades também se aproximam perigosamente dos 100%. Em Francisco Morato, Mogi das Cruzes, Mauá, Santo André e Guarulhos, ao menos 90% dos leitos de UTI estão ocupados.

A capital paulista tem 80% dos leitos de UTI ocupados, assim como São Bernardo do Campo, Diadema, Barueri e Caieiras.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos