Cinco mortos na Somália em ataque suicida contra restaurante

·1 minuto de leitura
Restos da explosão do ataque suicida em Mogadíscio
Restos da explosão do ataque suicida em Mogadíscio

Cinco pessoas, entre elas dois policiais, morreram e mais de 10 ficaram feridas nesta terça-feira (17) quando um kamikaze do Al-Shabaab atacou um restaurante em Mogadíscio, capital da Somália, informaram fontes de segurança.

Um oficial e testemunhas indicaram que o atacante suicida entrou no restaurante localizado perto de uma academia de polícia e se explodiu.

"Foi confirmada a morte de cinco pessoas, duas delas integrantes da polícia, e mais de dez ficaram feridas", disse à AFP Mohamed Abdirahman, um oficial da polícia que se estava presente no local.

"Os feridos foram transferidos urgentemente ao hospital, alguns deles apresentam lesões graves", acrescentou.

Abdukadir Husein, uma testemunha presencial, comentou que havia dezenas de pessoas no restaurante quando ocorreu a explosão.

"Muitas das pessoas que estavam dentro ficaram feridas (...). Eu pessoalmente vi os corpos de duas pessoas. A explosão destruiu tudo", afirmou.

O grupo islamita Al-Shabaab, vinculado ao Al-Qaeda, ataca frequentemente alvos civis e governamentais em Mogadíscio, cidade que controlava até ser expulso pelas tropas da União Africana (UA), em 2011.

str-fb/age/mb/aa