Ciro Gomes: O que Foro de São Paulo e Ursal têm a ver com o candidato

Equipe HuffPost
Memes sobre o que seria Ursal e gifs de Ciro Gomes tomaram grupos de WhatsApp.

Uma pergunta feita a Ciro Gomes no debate da Band por Cabo Daciolo deixou muita gente curiosa. "O senhor é um dos fundadores do Foro de São Paulo", afirmou o candidato do Patriota ao ex-governador do Ceará na noite desta quinta-feira (9). "O que pode falar sobre o Plano Ursal? Tem algo a dizer para a nação brasileira?", disparou.

O candidato do PDT à Presidência negou ser fundador do Foro de São Paulo. Daciolo argumentou que Ursal é a União das Repúblicas Socialistas da América Latina, que seria uma aspiração de união da América do Sul, formando uma única ação, a "Pátria Grande".

"No nosso governo, o comunismo não vai ter vez", emendou Daciolo, que foi eleito deputado federal pelo Rio de Janeiro em 2014 pelo PSol e acabou expulso do partido por divergências ideológicas.

Ciro reagiu à verborragia de Daciolo: "a democracia é uma delícia, mas tem certos custos". Quem assistia ao embate nos estúdios da Band não segurou o riso.

Afinal, o que é Foro de São Paulo?

De acordo com a Veja, é a maior organização política latino-americana representada por governantes e políticos esquerdistas. A entidade foi fundada em 1990 por Lula e Fidel Castro, aponta o blogueiro Felipe Moura Brasil, discípulo do filósofo Olavo de Carvalho.

Ciro Gomes afirmou que o Foro de São Paulo realmente existiu. O propósito era "reunir aquilo que estava fora do poder, no meio das ditaduras da América Latina, como oposição à esquerda", disse o candidato a presidente em vídeo que circula na internet.

Para ele, era uma ideia generosa. Ciro afirma que participou de duas reuniões, mas a troca de ideias lhe pareceu "sem fundamento". Por isso, o Foro de São Paulo "mofou".

Em outra gravação, o ex-governador faz duras críticas ao grupo. Chama o Foro de São Paulo de "ajuntamento de múmias" e alfineta os petistas que apoiam essas ideias.

No programa Provocações, conduzido pelo diretor Antônio Abujamra em 2007, o ex-ministro do governo Lula...

Continue a ler no HuffPost