Ciro Nogueira sai de férias para fazer campanha no Piauí

*ARQUIVO* Brasília, DF - 12/04/2022 - Nesta terça (12) o Presidente Jais Bolsonaro (PL) faz anúncio de instalação de 12 mil novos pontos de Wi-fi nas escolas públicas do país. Na foto, Ciro Nogueira, Ministro da Casa Civil. (FOTO: Antonio Molina/Folhapress)
*ARQUIVO* Brasília, DF - 12/04/2022 - Nesta terça (12) o Presidente Jais Bolsonaro (PL) faz anúncio de instalação de 12 mil novos pontos de Wi-fi nas escolas públicas do país. Na foto, Ciro Nogueira, Ministro da Casa Civil. (FOTO: Antonio Molina/Folhapress)

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - A dez dias do primeiro turno das eleições, o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira (PP), vai sair de férias para reforçar a campanha pelo candidato a governador Sílvio Mendes (União Brasil) em seu estado natal, o Piauí.

Nogueira é um dos coordenadores da campanha do presidente Jair Bolsonaro (PL), que tem patinado nas pesquisas e não consegue alcançar a intenção de votos projetada para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Ele deve também pedir votos para o chefe do Executivo no estado.

A pesquisa do Datafolha divulgada nesta quinta-feira (22) mostra que Luiz Inácio Lula da Silva (PT) oscilou dois pontos para cima, atingiu 47% e tem uma dianteira de 14 pontos sobre o chefe do Executivo, que se manteve com 33% das intenções de voto. Cresceu assim a possibilidade de o petista vencer no primeiro turno.

A viagem do chefe da Casa Civil, segundo aliados, será para tentar garantir a vitória em primeiro turno do seu candidato, Silvio Mendes (União Brasil). O candidato está em primeiro lugar nas pesquisas de intenção de voto.

O ministro ajudou seu aliado a conquistar apoio de diversos prefeitos do estado e é um dos principais articuladores de Mendes.

Segundo a assessoria de Nogueira, ele poderá retornar a Brasília caso seja convocado por Bolsonaro. Na reta final da campanha, contudo, o chefe do Executivo deve ficar pouco tempo na capital também.