Cláudia Abreu fala sobre ser mãe de quatro filhos: 'Vivi maternidade da filha única e, depois, da galera'

Mãe de quatro filhos (Maria, de 21 anos, Felipa, de 15, Joaquim, de 12, e Pedro, de 10), Cláudia Abreu já brincou que ninguém imaginava na família que seria ela a ter uma prole grande. Mesmo nem tudo ter sido planejado, a atriz frisa que essa é uma das suas maiores alegrias. Para além da experiência de aprender a lidar com pessoas diferentes dentro da própria casa, a artista celebra ter tido a oportunidade de viver experiências distintas na maternidade.

"Quis ser mãe com 30 anos porque tinha vontade de viajar bastante, trabalhar bastante antes (da maternidade) e não ter essa culpa nem com o meu filho, nem com a minha profissão, nem comigo mesma. Tive uma menina, que foi filha única durante seis anos, e depois tive outros três. Pude viver a maternidade da filha única e, depois, da galera. Posso dizer que foi a maior alegria da minha vida, mesmo que não tenha sido planejado", disse em entrevista à "Elle".

Cláudia Abreu compara ainda a maternidade com o próprio ofício de atriz. Afinal, as duas funções envolvem muito sobre entender a alma humana.

"Nada mais interessante do que ver seres humanos se desenvolvendo e perceber as diferenças entre eles. Um precisa de uma mãe mais firme, que dê mais limites; o outro, não, requer rédea mais solta. É muito bonito. Não é muito diferente do que eu sempre fiz como atriz: você entender a alma humana é um pouco a minha profissão. Entrar na alma do outro, sem julgamentos. Estou o tempo inteiro interessada no ser humano".

Também por isso, a atriz sempre fez questão de envolver as crianças no seu universo profissional. Mais do que conciliar tudo, Cláudia queria que os filhos se encantassem pelas artes.

"Na década e meia em que tive os três menores, busquei trabalhos que pudessem incluí-los na minha rotina. Escrevi 'Valentins', uma história sobre uma família com quatro filhos, com o meu marido dirigindo. Fiz o 'Pluft, o fantasminha' duas vezes no Tablado. Era uma homenagem, para que eles curtissem a minha profissão, se fascinassem por esse universo."

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos