Claudia Leitte é vaiada em show na Bahia e público grita ‘Lula’

A cantora Claudia Leitte foi vaiada em sua apresentação na Micareta Salvador, na última sexta-feira. A cantora, que nunca declarou apoio abertamente a Jair Bolsonaro (PL), foi interrompida com gritos de apoio ao presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Leitte cantava a música "Chame Gente" quando os gritos começaram. Ela interrompeu o show e tentou conversar com os foliões, que responderam com vaias. Vídeos que circulam nas redes sociais mostram a manifestação do público e a cantora reagindo com serenidade.

Abajur de armas? Peça exibida por Claudia Leitte é de designer francês

Desabafo: Claudia Leitte é obrigado a encerrar apresentaqção em Caruaru e reclama em vídeo

'Coração pacificador': Claudia Leitte pede desculpas após 'Altas Horas' e lista motivos para indignação no Brasil

- Vocês estão na Micareta Salvador 2022, estamos na Bahia e vivemos em uma democracia", respondeu Leitte ao público. - Eu estou aqui para servi-los com todo amor. Que Deus guie nosso trio do início ao fim, com tudo que vocês merecem.

Ao longo de toda a campanha eleitoral, Claudia Leitte não declarou voto. Mas ela passou a ser associada ao bolsonarismo por causa de diversos posts polêmicos, como a imagem de uma Bíblia ao lado de uma escultura de arma. Ela mais tarde se defendeu dizendo que a peça não tinha nenhuma referência política.