Cleitinho lidera corrida ao Senado em MG; 28% não sabem em quem votar, diz Datafolha

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O deputado estadual Cleitinho Azevedo (PSC) lidera de forma isolada a disputa pela vaga de Minas Gerais no Senado, de acordo com o Datafolha.

Pesquisa do instituto feita de terça-feira (20) até esta quinta-feira (22) mostra o parlamentar com 20% das intenções de voto, ante 13% de seu principal adversário, Alexandre Silveira (PSD), que tenta a reeleição.

Na sondagem anterior, o candidato do PSC tinha 17%, e o atual senador, os mesmos 13%. Como a margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos, a situação anterior era de empate técnico.

Na sequência, aparece Marcelo Aro (PP), com 10%. Sara Azevedo (PSOL) tem 4%, e Bruno Miranda (PDT) e Altamiro Alves (PTB), 3% cada um. Marcaram 1% Irani Gomes (PRTB) e Dirlene Marques (PSTU).

A taxa de eleitores indecisos, 28%, permanece elevada em comparação com as disputas para o governo e para a Presidência, o que indica, a dez dias da votação, possibilidade de reviravolta na eleição.

Votos em branco ou nulos são 17%, patamar também superior aos aferidos nos pleitos para governador e presidente. Cleitinho está em seu primeiro mandato na Assembleia mineira e é apoiador do presidente Jair Bolsonaro (PL). Silveira, que era suplente no Senado até o ano passado, é do mesmo partido de Alexandre Kalil, candidato ao governo mineiro apoiado pelo ex-presidente Lula (PT).

O senador tem tentado colar sua campanha à do petista, que lidera a disputa presidencial. Marcelo Aro, hoje deputado federal, é apoiado pelo governador Romeu Zema (Novo).

O Datafolha ouviu 1.512 eleitores em 81 municípios mineiros. A pesquisa, contratada pela Folha de S.Paulo e pela TV Globo, está registrada na Justiça Eleitoral sob o número MG-08517/2022. O índice de confiança é de 95%.