Clubes da Série D pedem ajuda financeira à CBF

Pedido de aporte financeiro por parte dos clubes da Série D será avaliado pelo presidente da CBF.
Pedido de aporte financeiro por parte dos clubes da Série D será avaliado pelo presidente da CBF. Foto: (Fabio Teixeira/NurPhoto via Getty Images)

Uma reunião marcada pelo presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, com os representantes dos 64 clubes que disputam a Série D do Campeonato Brasileiro irá tratar sobre um pedido feito pelas equipes: aporte financeiro para que haja viabilidade da competição.

Inicialmente ocorridas em um grupo de mensagens em um aplicativo de telefones celulares, as discussões ganharam peso e as demandas levantadas pelos líderes foram levadas ao presidente Ednaldo Rodrigues, que aceitou receber os cartolas para ouvir suas pedidas e avaliá-las.

Leia também:

Constantino Junior, ex-presidente do Santa Cruz e vice-presidente da Liga do Nordeste, que capitania as discussões por parte da tradicional equipe de Pernambuco, publicou em seu perfil oficial no Twitter o ofício que confirma a reunião.

Antônio Luiz Neto, atual presidente do Santa Cruz, confirmou ao ge que a intenção da reunião é angariar fundos para as equipes que disputam a última divisão do torneio nacional: "Vamos apresentar algumas solicitações, assim como aconteceu na Série C. Vamos colocar as nossas necessidades e tentar avanços para a Série D. O Santa Cruz é uma das lideranças, mas temos a nossa missão de aglutinar. Quero fazer uma dobradinha boa com outros presidentes, para que tudo funcione de forma coordenada".

Disputada em oito grupos de oito equipes cada, separados por suas regiões, a Série D do Campeonato Brasileiro já está em sua décima primeira rodada. O formato de competição, inicialmente em fase de grupos, com jogos em turno e returno, e depois fase eliminatória, classificando quatro clubes para a Série C, não é cogitado de ser alterado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos