CNN desmente Alexandre Garcia ao vivo após fala sobre vacinas

·2 minuto de leitura
Alexandre Garcia deixou a Globo em 2018(reprodução/twitter @alexandregarcia.com.br)
Foto: Reprodução
  • Comentarista afirmou que jovens não precisam se imunizar

  • Informação é falsa e estudos comprovam a necessidade de se vacinar

  • Caso repercutiu e gerou críticas a Garcia nas redes sociais

A emissora CNN Brasil teve de desmentir o comentarista Alexandre Garcia, após ele afirmar, no quadro Liberdade de Opinião, que pessoas jovens não têm necessidade de tomar a vacina contra a covid-19. Quem fez o esclarecimento foi a jornalista Elisa Veeck, no programa CNN Novo Dia.

“Alexandre Garcia disse que jovens não precisam tomar a segunda dose da vacina, segundo as estatísticas. Para esclarecer esse tema, nós da CNN Brasil procuramos o infectologista e também diretor da Sociedade Brasileira de Imunizações, Renato Kfouri. Segundo o médico, com a medida que se previne mortes em adultos e idosos, os casos de hospitalização com formas graves serão entre os não vacinados”, afirmou Elisa.

“No caso das crianças, [a taxa de hospitalização] que era de 0,35% pode, sem vacina, chegar a 15%. Além dessa informação, acrescentamos que o registro para esse ano de mortes por Covid-19 entre crianças e jovens é de 1581. Isso mesmo. 1581 pessoas pessoas entre 10 e 19 morreu por Covid-19 apenas em 2021″, esclareceu.

Leia também:

E concluiu afirmando que a “opinião emitida pelos comentaristas do quadro não refletem, necessariamente, a posição da CNN”.

Repercussão nas redes sociais

A fala de Alexandre Garcia foi muito criticada no Twitter, mas as críticas também se estendem à CNN. Internautas questionam por que a mentira não resultou na demissão do comentarista.

“CNN DESMENTE Alexandre Garcia. Ele disse que jovens NÃO precisam tomar a vacina O que falta para ser demitido da CNN? Que VERGONHA”, escreveu um usuário da rede social.

“Até quando? A luta por audiência tem limites. Não basta desmentir é preciso silenciar as vozes que propagam fake news”, criticou outra.

Eduardo Serafini, deputado estadual pelo PSOL, também comentou o caso no Twitter. “A liberdade de opinião, nome do quadro de Alexandre Garcia na @CNNBrasil, não é recibo para a propagação de mentiras absurdas e informações negacionistas. Já passou da hora da emissora parar de dar voz a discursos como o deste homem”.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos