Cofundador Talibã divulga gravação de áudio para dementir boatos de sua morte

·1 minuto de leitura
O cofundador do movimento Talibã Abdul Ghani Baradar, em julho de 2021 no Catar (AFP/KARIM JAAFAR)

O cofundador do movimento Talibã e agora vice-primeiro-ministro do Afeganistão divulgou uma mensagem de áudio nesta segunda-feira (13) para afirmar que está vivo e negar os boatos sobre a sua morte.

Abdul Ghani Baradar, que foi nomeado na semana passada como número dois do mulá Mohammad Hasan Akhund, atribuiu à "falsa propaganda" os rumores de sua morte em uma mensagem de áudio.

As redes sociais foram marcadas por especulações, especialmente na Índia, de que ele teria falecido em um tiroteio entre facções talibãs rivais no palácio presidencial.

"Houve notícias na mídia sobre a minha morte", afirma Baradar no áudio.

"Durante as últimas noites, estive fora, em viagem. Onde quer que eu esteja, estamos todos bem, meus irmãos e amigos", completa.

"A mídia sempre publica propaganda falsa. Portanto, rejeitem com coragem todas as mentiras e eu confirmo 100% para vocês que não há problema e nós não temos problemas".

Não foi possível verificar a autenticidade da mensagem, mas foi publicada nas contas oficiais do Talibã, incluindo a do porta-voz do gabinete político do novo governo.

O líder supremo do movimento Talibã, Hibatullah Akhundzada, também foi alvo de boatos sobre sua morte durante anos até que o porta-voz do grupo anunciou, duas semanas depois da tomada de poder no Afeganistão, que ele estava em Kandahar.

je-fox/mtp/dbh/erl/fp

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos