Com ajuda de Bertolucci, Vasco e 777 querem Oscar e mais

Oscar é o primeiro grande alvo da 777 para o Vasco (Getty Images) (AFP via Getty Images)

A renovação do contrato de Andrey não foi a única vitória do Vasco. Com o respaldo financeiro da 777, o clube fechou com Giuliano Bertolucci uma parceria para ser protagonista no mercado de contratações a partir de 2023. "A ideia é concorrer com o Flamengo pelos principais reforços", explica uma fonte envolvida.

E já há inclusive um primeiro nome na pauta vascaína: Oscar. "O Vasco e a 777 renovaram com o Andrey como um primeiro passo de um grande projeto, que visa transformar o clube em protagonista. O Vasco buscará os grandes nomes, a começar pelo Oscar", acrescenta.

Vale lembrar que o meia-atacante é representado por Bertolucci e passou as últimas semanas negociando com o Flamengo. Só não houve acordo porque o Shanghai Port, dono dos direitos econômicos de Oscar, foi irredutível em relação a um empréstimo.

Agora, Oscar e Bertolucci trabalham com a possibilidade da rescisão do contrato com os chineses. Desta maneira, ele estaria livre para escolher seu novo clube em 2023. Detalhe: uma eventual quebra do vínculo lhe impediria de ganhar cerca de R$ 230 milhões.

Dona da SAF do Vasco em 70%, a 777 aportou nos últimos dias R$ 120 milhões, como parte do acordo entre as partes. Representantes da empresa norte-americana estão convencidos de que podem transformar o Cruz-Maltino: em vez do clube que fica entre as Série A e B do Brasileiro, o Vasco passará a brigar por todos os títulos.