Com decisão de Alexandre de Moraes, PF fica sob comando de indicado por Moro

CAMILA MATTOSO
*ARQUIVO* BRASÍLIA, DF, 24.10.2019 - O ministro Alexandre de Moraes, do STF, decide que PF fica sob comando de indicado por Moro. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Com a decisão do ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal), a Polícia Federal ficará durante o imbróglio sob o comando de Disney Rosseti.

Em seu pronunciamento de despedida, Sergio Moro disse ter indicado o delegado para substituir Maurício Valeixo no cargo de diretor-geral.

Antes de ser impedido pelo Supremo, Alexandre Ramagem chegou a fazer reunião com superintendentes e diretores nesta terça (28).

Rosseti era o número 2 de Valeixo.