Com incêndio, Ceasa no Rio de Janeiro sofre saques

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - Um incêndio atingiu cinco lojas do Ceasa (Centro Estadual de Abastecimento do Rio de Janeiro), em Irajá, na zona norte, nesta segunda-feira (31). Não há vítimas.

Esse é o segundo incêndio consecutivo no local; o fogo já havia atingido um galpão no domingo (30). Vídeos que circulam nas redes sociais mostram supostos saques aos estabelecimentos em meio ao fogo.

Imagens também mostram tiros sendo disparados para o alto por homens que seriam seguranças do centro de abastecimento para afastar a multidão.

Segundo assessoria do Ceasa, "as lojas Bastos, São Miguel Arcanjo, uma lotérica e outros dois estabelecimentos", que ainda não tiveram o nome divulgado, foram atingidos.

A assessoria também informou que o incêndio de domingo ocorreu em uma serralheria e em três depósitos de descartáveis, mas não afetou as estruturas do local.

Bombeiros passaram a combater as chamas por volta das 10h da manhã desta segunda-feira e ainda realizam rescaldo no local. Participam militares dos quartéis de Irajá, Penha, Duque de Caxias, Campinho e Guadalupe.

A Polícia Militar informou que reforça a segurança para evitar saques às lojas e confirmou que algumas tiveram itens roubados.