Com mais de 95% da população adulta vacinada, Serrana (SP) reduziu em 95% as mortes por Covid

·1 minuto de leitura
***FOTO DE ARQUIVO*** SUZANO, SP, 10.04.2021 - Com mais de 95% da população adulta vacinada, Serrana (SP) reduziu em 95% as mortes por Covid. (Foto: Mathilde Missioneiro/Folhapress)
***FOTO DE ARQUIVO*** SUZANO, SP, 10.04.2021 - Com mais de 95% da população adulta vacinada, Serrana (SP) reduziu em 95% as mortes por Covid. (Foto: Mathilde Missioneiro/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Oito semanas após o início da vacinação em massa de sua população adulta contra a Covid-19 e depois de ter alcançado a imunização de 95% da população adulta, o município de Serrana reduziu em 95% as mortes pela doença.

A cidade do interior paulista, na região metropolitana de Ribeirão Preto, foi alvo de estudo inédito sobre as consequências da vacinação em massa da população. O chamado projeto S, idealizado pelo Instituto Butantan consiste em analisar o impacto e a eficácia da vacinação na redução de casos do novo coronavírus e no controle da pandemia.

O projeto conseguiu vacinar 95,7% dos 28.380 adultos da cidade. Os moradores foram divididos em quatro grupos, e cada grupo recebeu a vacina com uma semana de diferença entre eles. Após o último grupo receber a primeira dose, teve início a aplicação da segunda dose no primeiro grupo.

Com isso, os pesquisadores conseguiram observar uma queda significativa no número de novos casos sintomáticos de Covid e de hospitalizações quando 75% da população elegível foi totalmente imunizada, isto é, quando o terceiro grupo dos quatro recebeu as duas doses da Coronavac.

"Até aqui nós tínhamos visto a eficácia individual da vacina, a proteção que oferece ao indivíduo vacinado. Com esse estudo, podemos ver a proteção coletiva, seu benefício indireto mesmo para quem não foi imunizado", diz a médica infectologista Rosana Richtmann, do Instituto Emílio Ribas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos