Com PIB fraco e medo do coronavírus, dólar abre a quinta-feira cotado a R$ 4,60

(Foto: Getty Images)

O dólar superou o patamar de 4,60 reais contra o real logo após a abertura desta quinta-feira, subindo pelo 12° dia consecutivo em meio a expectativas de corte de juros pelo Banco Central devido aos riscos econômicos do coronavírus.

E nos siga no Google News:

Yahoo Notícias | Yahoo Finanças | Yahoo Esportes | Yahoo Vida e Estilo

Na quarta-feira, o dólar interbancário registrou salto de 1,55%, a 4,5806 reais na venda, décimo recorde histórico consecutivo alcançado em um fechamento.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Na mesma quarta-feira, para tentar frear a alta da moeda americana, o BC anunciou que faria hoje um leilão de US$ 1 bilhão em contratos de swaps cambiais.

Leia também:

O fraco resultado do PIB brasileiro em 2019 — o IBGE informou ontem que a economia do país cresceu só 1,1% este ano — também trouxe nervosismo aos mercados.