Com preços nas alturas, brasileiros substituem avião pelo ônibus

·1 min de leitura
Interior de um ônibus de viagens
Movimento foi comprovado com o aumento de 30% nos embarques em 12 de outubro, em comparação com 7 de setembro

(Getty Images)

  • Com alta no preço das passagens aéreas, brasileiros optam por viajar de ônibus 

  • Até dezembro, espera-se que sejam vendidos 3,1 milhões de bilhetes rodoviários

  • No entanto, alta procura pode encarecer as passagens

Com o avanço da vacinação contra a Covid-19 e a alta nos preços das passagens aéreas, os brasileiros têm optado por viajar de ônibus. Até dezembro, espera-se que sejam vendidos 3,1 milhões de bilhetes rodoviários, mais que os 2,7 milhões comercializados em 2019, antes da pandemia.

Leia também:

As projeções são da Associação Brasileira das Empresas de Transporte Terrestre de Passageiros (Abrati), que comprova o aumento nas buscas por viagens com base no feriado do dia 12 de outubro. Na ocasião, houve 30% mais embarques do que no dia 7 de Setembro. As informações são do portal O Globo. 

Segundo Letícia Pineschi, diretora e conselheira da Abrati, as regiões Norte e Nordeste já ultrapassaram o período pré-pandemia, sendo que o restante do país deve alcançar o patamar no início de dezembro.

“Há uma tendência de troca do avião pelo ônibus por conta dos preços altos das passagens. No setor rodoviário, as empresas estão segurando grande parte dos custos, como os preços do diesel e do pneu”, explicou ao portal.

Apesar disso, ela aponta que as receitas das empresas ainda não vão se recuperar neste ano, mesmo com o aumento nas vendas de passagens. De acordo com especialistas, a alta procura deve encarecer o preço dos bilhetes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos