Com shows agressivos virais, MC Pipokinha comprou casas, carro para o pai e sonha cantar com Anitta

Revelação do "funk proibidão", a cantora MC Pipokinha tem viralizado com frequência nas redes sociais por seus shows repletos de coreografias sugestivas e sensuais. E foi graças a esse hit na web que Pipokinha conseguiu comprar um carro para o seu pai e o presente viralizou nas redes assim como seus shows. Depois do feito, até quem não gostava da funkeira começou a sentir um carinho diferente por ela.

Com 24 anos, a funkeira publicou um registro do pai no carro e postou uma foto chorando depois de conseguir presenteá-lo. "Meu veinho tá de carro novo. Obrigada Deus por tudo", escreveu Pipokinha em seu perfil do Instagram.

"Eu chorei vendo os stories da MC Pipokinha que conseguiu dar um carro de presente pro pai. Muito fofa", escreveu um internauta. "Ai gente ela pode cantar e fazer o que for que não consigo julgar porque ela é humilde e tem um coração bom", comentou outra.

Em entrevista ao canal "Sobre Funk", a cantora contou outro objetivo que alcançou desde que começou a viralizar nas redes. Ela comprou quatro casas com o que ganhou com suas músicas e com seus shows.

A funkeira, no entanto, ainda não está totalmente realizada e revelou recentemente que sonha em gravar uma música com Anitta. "A melhor do mundo. Eu vou gravar com ela, pode ter certeza", disse a MC.

Natural de Santa Catarina, a funkeira na verdade se chama Helena. Ela canta funk proibidão e tem hits como "Bota na Pipokinha", "Tira as Crianças da Sala" e "Eu Sou a Pipokinha".

As apresentações da funkeira dão o que falar na web por serem para maiores de 18 anos e por contarem com a participação do público.

Os shows contam com movimentos que simulam relações sexuais e têm de tudo: desde dançarinos em posições inusitadas até integrantes da plateia levando socos na costela em cima do palco.