Com tradução errada, post compartilhado pelo presidente com ‘Bolsonero’ vira piada nas redes

Filipe Vidon
·1 minuto de leitura

RIO — O presidente Jair Bolsonaro virou motivo de piada nas redes sociais, na manhã desta segunda-feira, após compartilhar no Twitter o anúncio feito pelo primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, sobre o desenvolvimento de um remédio contra a Covid-19. A imagem postada por Bolsonaro mostra a mensagem de Netanyahu em hebraico com uma tradução automática para o português, em que seu nome acabou escrito como “Bolsonero”. O termo acabou marcando presença na lista de assuntos mais comentados da plataforma.

O erro rapidamente viralizou na plataforma e acabou gerando memes com o presidente, o chanceler Ernesto Araújo e o Itamaraty. Em diversas publicações, internautas fizeram montagens com o rosto de Bolsonaro como o ex-imperador romano Nero, associado à tirania e extravagância no poder. Outros usuários da rede social também criticaram o presidente e a equipe de relações exteriores por publicarem a mensagem com ajuda de um tradutor automático.

O presidente brasileiro conversou na última sexta-feira Netanyahu sobre a possibilidade de cooperação entre os dois países no desenvolvimento de um remédio contra a Covid-19. Trata-se de um medicamento em formato de spray inalável originalmente destinado ao tratamento do câncer de ovário, que apresentou resultados preliminares positivos em pacientes com coronavírus. Até o momento, no entanto, ainda não foi realizado nenhum ensaio clínico.