Começa na segunda-feira a atualização cadastral no Caixa Tem para os nascidos em outubro

Extra
·2 minuto de leitura

Na próxima segunda-feira (dia 29), começa a atualização cadastral no aplicativo Caixa Tem para os trabalhadores nascidos em outubro. Segundo a Caixa Econômica Federal, aqueles que têm poupanças sociais digitais e utilizam o app para movimentar os recursos devem fazer o procedimento, que consiste no envio de selfie e de documentos digitalizados.

A atualização deve ser feita pelo celular. O usuário só tem que seguir as instruções do próprio aplicativo. Ninguém precisa se deslocar até as agências bancárias. O procedimento é feito de forma totalmente on-line.

Segundo o banco, esse recadastramento pretende trazer mais segurança para o recebimento de benefícios e evitar fraudes.O app será novamente usado para o pagamento do novo auxílio emergencial do governo federal, a partir de abril.

A Caixa esclarece, porém, que a atualização de dados não é condição necessária para o recebimento do benefício. Mesmo que não tiver feito o procedimento — e for elegível ao auxílio — receberá as parcelas.

Como proceder

Ao entrar na ferramenta, o usuário deve acessar a conversa “Atualize seu cadastro”. Em seguida, é necessário enviar uma foto (selfie) e os documentos pessoais (identidade, CPF e comprovante de endereço).

Vale lembrar que a atualização cadastral acontece de forma escalonada, de acordo com o mês de aniversário dos clientes, até o dia 31 deste mês.

Confira o calendário

Total de contas abertas

No ano passado, a Caixa abriu mais de 105 milhões de contas poupanças sociais digitais. Além do auxílio emergencial, o Caixa Tem foi usado para o pagamento do saque emergencial do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e do Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda (BEm).

Uma lei sancionada no fim de outubro autorizou a ampliação do uso das poupanças sociais digitais para o pagamento de outros benefícios sociais e previdenciários. Desde dezembro, os beneficiários do Bolsa Família e do abono salarial do PIS passaram a receber por essa modalidade.