Comerciantes são assassinados em pontos diferentes do Rio . Uma das vítimas foi sepultada nesta sexta-feira

·2 min de leitura

O corpo do comerciante Geraldo Achê Lima, de 54 anos, foi sepultado nesta sexta-feira, no Cemitério Jardim da Saudade, em Sulcap, na Zona Oeste do Rio. Ele foi atingido por um tiro no fíigado ao ficar no meio de uma perseguição, seguida de uma troca de tiros, entre bandidos e policiais, em São João de Meriti, na Baixada Fluminense. A ação deixou ainda um bandido morto e outro preso.

A polícia tambpem investiga a morte de outro comerciante, ocorrida na mesma noite. Agentes da Delegacia de Homicídios da Capital (DHC) estão analisando imagens de câmeras de segurança para tentar identificar um homem responsável por disparos que mataram João Batista, mais conhecido como João do Lanche. Ele foi executado dentro de seu estabelecimento, em Cordovil, na Zona Norte, por um bandido que estava com o rosto coberto.

Amigos de João do Lanche, que foi sepultado nesta quinta-feira, no Cemitério do Caju, na Zona Norte do Rio, usaram as redes sociais para lamentar o assassinato. " Que Deus conforte e ajude os familiares a prosseguir neste momento de dor insuportável", escreveu um amigo de João. " Meu Deus, que tristeza!. Este mundo está cruel demais", escreveu outro conhecido da vítima.

D acordo com a polícia, Geraldo Achê foi baleado quando passava na Rua São João Batista, durante uma troca tiros entre bandidos e policiais. Segundo a cunhada de Geraldo, a representante comercial Bianca Barbosa da Silva, de 44 anos, um pastor amigo da família foi ao local e disse que o carro dos criminosos colidiu com o do comerciante.

— Ele relatou que o Geraldo estava saindo da loja quando vinha um carro com bandidos e logo atrás o carro da polícia, eles estavam em perseguição. O carro do bandido bateu no carro dele. Quando ele abriu a porta para ver o que estava acontecendo, começou o tiroteio, e ele foi atingido — disse.

A morte de Geraldo Achê está sendo investigada pela Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense.


Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos