Comida cara impulsiona marmita entre trabalhadores

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - Mais de 20% dos trabalhadores entrevistados em uma pesquisa da Sodexo dizem que começaram a levar marmita para o trabalho após o avanço da inflação.

Do total, 65% afirmam que têm o costume de levar quentinhas para o serviço, enquanto 17% comem em restaurantes com prato feito e 15% que compram refeição por quilo.

Mais de 40% deixaram de frequentar restaurantes nos finais de semana por não terem condições financeiras.

Em junho, a inflação no país cresceu 0,67% e chegou a 11,89% no acumulado de 12 meses. A alta foi influenciada pelo preço dos alimentos para consumo fora do domicílio, que subiu 1,26%.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos