Comissão da Câmara aprova convite a ministro da Defesa para explicar compra de viagra

Caixas de viagra

BRASÍLIA (Reuters) - A Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara aprovou nesta quarta-feira um convite ao ministro da Defesa, Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, para debater a segurança do processo eleitoral, além da compra comprimidos de Viagra e de próteses penianas infláveis.

Deputados tinham a intenção inicial de convocar o chefe da pasta para esclarecer contrato de aquisição de comprimidos de viagra, informou a Agência Câmara de Notícias, mas o requerimento foi modificado para um convite a Oliveira, incluindo o tema sobre a realização das eleições.

O convite ocorre na sequência de mal-estar entre as Forças Armadas e, principalmente, o Poder Judiciário. A lisura e a contabilidade das eleições têm sido alvo de questionamentos do presidente Jair Bolsonaro e de seus apoiadores, que também desferem ataques a cortes superiores como o Supremo Tribunal Federal (STF), e o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A audiência com o ministro deve ocorrer no dia 8 de junho.

(Redação Brasília)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos