Trump convida Duterte à Casa Branca

Washington, 30 abr (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, convidou seu colega das Filipinas, Rodrigo Duterte, a visitar Washington, durante uma conversa por telefone entre ambos para falar da crise norte-coreana, anunciou a Casa Branca em um comunicado.

"Foi uma conversa muito amistosa na qual os dois dirigentes falaram das preocupações da Associação de Nações do Sudeste Asiático (ASEAN) sobre a segurança regional, em particular a ameaça que representa a Coreia do Norte", asseguram as fontes.

A região do Sudeste Asiático registra uma escalada de tensão provocada pelo novo lançamento no sábado de um míssil ao mar por parte da Coreia do Norte.

"Este cara quer acabar com o mundo. Não se deve entrar em seu jogo", tinha expressado Duterte em uma reunião de líderes da ASEAN em Manila acerca do líder norte-coreano, Kim Jong-un, horas antes de falar com Trump por telefone.

Em sua conversa, segundo a Casa Branca, Trump e Duterte também falaram "do fato de que o Governo filipino luta fortemente para livrar seu país das drogas, uma praga que afeta muitos países no mundo".

Trump "apreciou a conversa" que teve com Duterte e se alegra de poder participar da cúpula EUA-Asean que vai acontecer nas Filipinas em novembro, acrescentou a Presidência americana no comunicado. EFE