Como utilizar a nota do Enem para entrar na faculdade

Enem para entrar na faculdade

Entrar na faculdade com a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é possível e cada vez mais universidades públicas e privadas estão usando o desempenho no Exame como critério para selecionar seus alunos.

São quatro possibilidades e na maioria delas você nem precisa fazer as provas do Vestibular.

Confira agora mesmo como você pode usar a nota do Enem para entrar na faculdade!

1. ProUni

O Programa Universidade para Todos (ProUni) é uma iniciativa do Governo Federal que concede bolsas de estudo parciais e integrais em faculdades privadas. O processo seletivo é gratuito e totalmente informatizado, usando somente o desempenho no Enem para classificar os candidatos a uma bolsa de 50% ou 100%.

Para participar, o estudante precisa ter feito o Enem no ano imediatamente anterior,  com pelo menos 450 pontos nas provas objetivas e nota maior do que zero na Redação
O ProUni é voltado, prioritariamente, a estudantes com renda familiar mensal bruta de até três salários mínimos. No entanto, professores efetivos da rede pública de educação básica concorrendo a bolsas de licenciatura, normal superior ou pedagogia não precisam comprovar renda. 

As inscrições acontecem duas vezes por ano, no primeiro e no segundo semestre, e devem ser feitas no site do ProUni. Vale lembrar que as bolsas são para estudantes que ainda não tenham um diploma de nível superior.

2. Sisu

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) também é um programa do Governo Federal que usa a nota do Enem para classificar candidatos a uma vaga na faculdade. Neste caso, as vagas são exclusivas para universidades públicas e não há limites de renda para participar.

As inscrições são gratuitas, acontecem duas vezes por ano, no primeiro e no segundo semestre, e devem ser feitas no site do Sisu. O Sisu não exige nota mínima nas provas do Enem, basta ter feito o Exame no ano imediatamente anterior e não ter zerado na Redação.

3. Acesso direto pelo Enem

Muitas faculdades privadas de todo o Brasil oferecem a possibilidade de usar a nota do Enem como forma de ingresso. As regras variam bastante entre as instituições e normalmente é possível conseguir uma vaga mesmo tendo feito o Enem há mais tempo (normalmente a partir de 2010, quando o formato do Exame foi modificado).

Algumas faculdades exigem uma nota mínima nas provas objetivas e na Redação, mas essa não é a regra geral. Para alguns cursos, basta não ter zerado nas provas do Enem. 

4. Enem para complementar a pontuação do Vestibular

Mesmo fazendo a prova do Vestibular, você pode usar a nota do Enem para complementar seu desempenho. É o caso de algumas universidades públicas bastante concorridas, como a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), que aceita a nota do Enem para complementar a pontuação do processo seletivo, inclusive para cursos como Medicina.

As regras de utilização da nota do Enem como complemento do Vestibular variam bastante de acordo com a instituição, assim como o cálculo da pontuação. É importante consultar o edital do Vestibular para entender como você poderá usar sua nota do Enem no processo seletivo da faculdade em que pretende ingressar.

Você vai usar a nota do Enem para entrar na faculdade? Conte para a gente nos comentários!