Companhias aéreas avançam no transporte de vacina e alimento na pandemia

JOANA CUNHA, FILIPE OLIVEIRA E ANDRESSA MOTTER
·1 minuto de leitura
***ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP, 18.01.2021 - Inicio da vacinação de profissionais no Hospital das Clínicas, em São Paulo. (Foto Danilo Verpa/Folhapress)
***ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP, 18.01.2021 - Inicio da vacinação de profissionais no Hospital das Clínicas, em São Paulo. (Foto Danilo Verpa/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - As companhias aéreas Gol, Latam e Voepass, ligadas à Abear (Associação Brasileira das Empresas Aéreas), concluíram levantamento sobre as iniciativas de transporte gratuito oferecido para o combate à pandemia desde o ano passado. Foram levados cerca de 3 mil profissionais de saúde só em 2020 e 19 milhões de vacinas desde que os imunizantes chegaram ao Brasil.

As companhias, que hoje cortam oferta e enfrentam nova fase de crítica na pandemia, também distribuíram 166 toneladas de alimentos, equipamentos de proteção individual e respiradores, além de 4.895 órgãos e tecidos para transplantes.

Segundo a Abear, os associados ainda viabilizaram o retorno de cerca de 42 mil brasileiros ao país, em colaboração com o governo.