Companhias aéreas Avianca e Gol serão controladas por nova holding

Aviões da companhia aérea colombiana Avianca no aeroporto internacional El Dorado de Bogotá, em 30 de março de 2022 (AFP/Juan BARRETO) (Juan BARRETO)

Os principais acionistas das companhias aéreas colombiana Avianca e brasileira Gol assinaram nesta quarta-feira (11) um acordo para criar uma empresa controladora de ambas, informaram as empresas em nota.

Avianca e Gol criarão uma aliança estratégica e manterão suas "marcas, equipes e cultura", enquanto se beneficiarão de "maior eficiência e investimentos feitos pelo mesmo grupo controlador", que se chamará Abra, explicaram em nota enviada à AFP.

O acordo terá que ser aprovado por entidades reguladoras correspondentes para entrar em vigor. A Abra será uma empresa de capital fechado, constituída no Reino Unido.

A Abra controlará também 100% dos interesses econômicos das operações da empresa Viva na Colômbia e no Peru e terá participação minoritária na chilena Sky Airline.

As companhias aéreas buscarão oferecer o menor custo unitário em seus respectivos mercados.

"Este acordo coloca as companhias aéreas do Grupo Abra em posição de liderança em viagens aéreas na América Latina (...) oferecendo oportunidades significativas de capacidade e crescimento de receita", disse Constantino de Oliveira Júnior, CEO do grupo Abra.

A nova estrutura controladora da Avianca e da Gol atenderá uma população de mais de um bilhão de pessoas na região.

As duas companhias continuarão sendo cotadas na bolsa e manterão suas rotas e equipamentos habituais, com uma nova sinergia para criar novos negócios, explicou uma fonte da Gol.

Está previsto que os investidores injetem mais de 350 milhões de dólares na nova 'holding', uma vez que a transação for fechada, o que, segundo as companhias, provavelmente ocorrerá no segundo semestre deste ano.

msi/app/mr/mvv

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos